investidor qualificado

  1. Investidor institucional ou profissional de investimento, que conhece as operações de investimento realizadas no mercado financeiro e de capitais.
  2. aquele definido como tal pela regulamentação editada pela CVM - Comissão de Valores Mobiliários.  Em casos específicos, esta classe de investidor deve apresentar declaração assinada garantindo que tem experiência em finanças e que recebeu todas as informações necessárias para a tomada de decisão de investir em determinado valor mobiliário
  3. investidor autorizado a liquidar suas operações diretamente através de um ou mais agentes de compensação plenos, independentemente dos participantes de negociação pelos quais tenha operado.

Os principais investidores qualificados são:

  • fundações
  • seguradoras
  • administradores de recursos
  • administradores de fundos de investimento

É também o serviço implantado pela CBLC - Companhia Brasileira de Liquidação e Custódia - que permite a concentração das liquidações num só agente de compensação, permitindo ao grande investidor a utilização de várias corretoras simultaneamente.

Com o serviço, o risco de execução das operações de Bolsa fica segregado do risco de liquidação das operações.

enfin. O serviço dirige-se especialmente a instituições financeiras e outros investidores de peso, como fundos de pensão, seguradoras e investidores estrangeiros.

A opção por concentrar o fluxo de pagamentos e recebimentos em um único agente de compensação permite ao investidor institucional minimizar o risco das liquidações de suas posições em bolsa.

Uma segunda vantagem desta opção é que as liquidações se fazem pelos saldos líquidos de cada dia de operação, evitando a falta de sincronia de pagamentos através de alguns intermediários com o recebimento por meio de outros.

O registro das posições em derivativos e no sistema de empréstimo de ações sob a responsabilidade de um único agente propicia redução nas margens de garantia, tendo em conta a compensação de riscos.

Gostou dessa explicação?

Sim
Não