segregação

  1. Ato de separar, apartar ou isolar
  2. barreira entre os fluxos de informação entre dois setores diferentes de uma mesma empresa.



enfin: A segregação alcança três situações no mercado financeiro:

  • de informações: procedimentos para garantir que informações disponíveis em determinadas áreas de instituições não estejam disponíveis para dirigentes e funcionários de outras áreas, para reduzir eventuais conflitos de interesse
  • de gestão: separação, com objetivo de isolar, da atividade de administrar recursos de terceiros de outras atividades financeiras
  • de valor mobiliário: recursos de terceiros administrados não se comunicam com outras contas de um mesmo conglomerado financeiro.

A prática utilizada pelo mercado para evitar situações de conflitos de interesse deve ser o procedimento de separação total das atividades conflitantes em diretorias-executivas diferentes, podendo chegar até a criação de empresas totalmente separadas.

A esta prática convencionou-se chamar de chinese wall ou muralha chinesa, significando que foi criada uma muralha intransponível entre as atividades.

As instituições financeiras administradoras dos fundos de investimento devem observar a segregação de suas funções em suas relações com os fundos de investimento.

Os fundos devem ter escrituração contábil própria, destacada daquela relativa à instituição administradora.

As instituições financeiras e demais instituições autorizadas a funcionar pelo Banco Central devem promover a segregação da administração de recursos de terceiros, aí incluída a gestão de fundos de investimento, das demais atividades da instituição.

Gostou dessa explicação?

Sim
Não