votação em separado

Faculdade pela qual acionistas, titulares de ações preferenciais e minoritários detentores de ações ordinárias, podem eleger em separado membros do Conselho de Administração. 

O acionista controlador não participa dessa votação. 

Podem ser eleitos dois membros do Conselho: um pelos acinistas preferenciais e outro pelos acionistas ordinários.

Os acionistas preferenciais votantes devem ter pelo menos 10% do capital total, e os acionistas ordinários devem ter pelo menos 155 do capital votante.


Gostou dessa explicação?

Sim
Não