Novo Mercado da Renda Fixa

Ambiente institucional diferenciado que dê maior segurança e conforto ao investidor, criado pela ANBIMA - Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais.

O objetivo é que façam parte deste mercado apenas as emissões de valores mobiliários que:

  • Atendam a um nível mínimo de pulverização;
  • Possuam baixo valor unitário, de forma a facilitar a aquisição por pessoas físicas;
  • Adotem formato-padrão para os prospectos, com o objetivo de facilitar a análise do investidor e a comparação com outros ativos;
  • Tenham avaliação de risco (rating), com atualização anual;
  • Atendam a condições de prazo mínimo de vencimento e recompra que os caracterizem como ativos de longo prazo, para fazer jus aos benefícios, inclusive tributários, definidos para assegurar melhores condições para o financiamento de investimentos;
  • Sejam remunerados com base em taxa prefixada, índice de preço e/ou outras taxas de juros de referência a serem definidas pelo Conselho de Regulação e Melhores Práticas;
  • Contem com formador de mercado e pesquisa em seu primeiro ano de emissão;
  • Sejam negociados em mercado de balcão organizado e/ou bolsa, prioritariamente com direito à interferência de terceiros, garantindo critérios de negociação que assegurem transparência e competição.

É incentivada a transparência pré e pós-trade.

A ANBIMA se encarregará de precificar papéis menos líquidos, de forma a estabelecer benchmarks para a negociação no mercado, possivelmente via túnel de preços.

Gostou dessa explicação?

Sim
Não